Jornal: PSG quer R$ 891 milhões por Neymar, mas dá condições especiais para o Real Madrid



O PSG pretende resolver o futuro de Neymar o quanto antes, mas sem deixar de cumprir uma exigência feita por quem, de fato, manda no clube: a família real do Catar. Segundo o jornal “Le Parisien”, o emir do país só aceita a saída do brasileiro diante do pagamento de € 200 milhões (R$ 891 milhões), que faria o clube reaver a maior parte do investimento de € 222 milhões (R$ 990 milhões, atualmente) feito no brasileiro há dois anos.

O mandatário do grupo de investimentos que comprou o PSG em 2011 teria ficado irritado com o desejo do camisa 10 de ir embora. E, por isso, não flexibilizaria o valor – embora o clube venha demonstrando que pretende resolver o futuro do atleta o quanto antes, uma vez que o Campeonato Francês começou neste fim de semana. Inclusive, o jornal afirma que Neymar não deve mais ir a campo com a camisa do PSG, e seguirá aguardando a definição de seu futuro.

Nasser Al-Khelaifi e Neymar, no dia de sua chegada: clube quer reaver maior parte do investimento feito há dois anos — Foto: AP
Nasser Al-Khelaifi e Neymar, no dia de sua chegada: clube quer reaver maior parte do investimento feito há dois anos — Foto: AP

E, para permitir que tudo seja resolvido, o time de Paris estaria oferecendo ao Real Madrid condições especiais – uma postura contrária à que vem tendo com o Barcelona, desejo prioritário de Neymar. O PSG permitiria que o Real levasse Neymar por empréstimo de uma temporada, com obrigação de compra ao fim do vínculo. Desta forma, os merengues só pagariam pelo astro daqui a um ano.

Esta modalidade de negócio também foi tentada pelo Barcelona, segundo o jornal francês, mas o PSG não aceitou. Além disso, o valor pedido pelo Catar deixaria os catalães praticamente fora da negociação, pois o Barça estaria pensando em pagar, no máximo, € 170 milhões (R$ 757 milhões) para ter Neymar – isso incluindo atletas como Rakitic ou Coutinho na negociação.

Por isso, o “Le Parisien” não hesita ao dizer que a entrada do Real Madrid na negociação “mudou tudo” na novela de saída de Neymar do clube. O trunfo merengue seria a ótima relação entre seu presidente, Florentino Pérez, e o mandatário do PSG, Nasser Al-Khelaifi. A imprensa francesa ainda afirma que a possibilidade de incluir atletas como Bale, James Rodríguez, Modric ou Isco na negociação também agradaria mais que as opções dadas pelos blaugranas.

Em Madri, otimismo

Boa relação de Florentino Pérez com diretoria do PSG pode ser trunfo para contratação — Foto: Ballesteros/EFE
Boa relação de Florentino Pérez com diretoria do PSG pode ser trunfo para contratação — Foto: Ballesteros/EFE

Em Madri, o “Marca” afirma que o Real está otimista em concretizar a contratação de Neymar, mas, para isso, teria que conseguir realizar alguma venda e abrir espaço em seu caixa. Os atletas-chave neste cenário seriam Bale, James Rodríguez ou Mariano Díaz – ao menos um teria que ser vendido antes do clube fechar com o brasileiro. Bale interessaria ao Bayern; Mariano, ao Monaco; e James seguiria na mira de Napoli e Atlético.

Ainda assim, a diretoria merengue estaria otimista em acertar com seu grande reforço para a temporada 2019/20 antes do início do Campeonato Espanhol. Ou seja, na próxima semana. O técnico Zinedine Zidane já teria dado sinal verde para a contratação, e Neymar estaria até mantendo contato com atletas do elenco madridista.

Em Barcelona, fio de esperança

Na Catalunha, por sua vez, os diários esportivos ainda não jogam a toalha e frisam que o desejo do brasileiro de retornar ao clube ainda deixa os blaugrana na briga pelo reforço. Mas admitem, também, que a situação está cada vez mais favorável ao Real Madrid. É o que aponta o “Sport”, que destaca que tudo começou a mudar na última segunda-feira, com os merengues avançando nas tratativas.

Desejo de Neymar é o que mantém esperança do Barcelona em ter o craque — Foto: Reprodução/Instagram
Desejo de Neymar é o que mantém esperança do Barcelona em ter o craque — Foto: Reprodução/Instagram

O jornal indica que um acordo entre PSG e Real já teria saído se não fosse o fato de Neymar estar tentando travar a negociação. Ainda assim, o brasileiro não teria descartado o clube merengue – que pode terminar como sua única opção caso não queria seguir atuando na França, possibilidade que já deixou claro não desejar.

Por isso, Neymar ainda não fez qualquer declaração pública sobre seu desejo, embora os ex-companheiros de Barça estejam o pressionando para isso, segundo o diário catalão. Os atletas também teriam conversado com o presidente do clube, Josep Maria Bartomeu, reforçando o desejo de contar com o astro novamente no vestiário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *