CUIABÁ

ECONOMIA

Janguiê Diniz realiza sessão de autógrafos de novo livro

Publicados

ECONOMIA

source
Janguiê Diniz realiza sessão de autógrafos de livro sobre criação de riqueza em Caruaru
Divulgação

Janguiê Diniz realiza sessão de autógrafos de livro sobre criação de riqueza em Caruaru

Pensando nos profissionais e empreendedores que desejam construir uma jornada de prosperidade e sucesso, o empreendedor Janguiê Diniz, fundador e presidente do Conselho de Administração do grupo Ser Educacional e presidente do Instituto Êxito de Empreendedorismo, lançou o livro “O código secreto da riqueza – as 12 chaves que lhe trarão sucesso, prosperidade e riqueza financeira”. Publicada pela Editora Gente, a obra terá noite de autógrafos em Caruaru (PE) nesta terça-feira (17), a partir das 19h30, no prédio da UNINASSAU Caruaru, após a cerimônia de posse do novo reitor da unidade.

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia

Na obra, seu 27º registro, Janguiê discorre sobre os diversos tipos de riqueza e dá orientações sobre como obtê-los, principalmente a riqueza financeira, e desenvolver-se pessoal e profissionalmente. O livro já está à venda nas livrarias e sites e pode ser encontrado on-line na Amazon.

Em especial neste momento de retomada econômica, Janguiê defende que é possível buscar novas oportunidades e dar um salto de desenvolvimento. “Sabemos que muitos empreendedores foram fortemente prejudicados pelas restrições dos últimos dois anos. Agora que podem voltar a atuar com mais força e tranquilidade, é imperativo que eles procurem se munir das habilidades e competências necessárias para que superem as adversidades atuais e construam um futuro promissor. É esse caminho que trago no livro”, esclarece.

Leia Também:  Imperatriz Leopoldina poderá ser inscrita no 'Livro de Heróis e Heroínas da Pátria'

Partindo dessa premissa, o autor costura “O código secreto da riqueza” a partir das 12 principais chaves, que ele chama de chaves mestras, que levam alguém a obter os mais variados tipos de riquezas na vida. “O código de que falo no livro é composto por 12 chaves que toda pessoa que quer ter sucesso e prosperidade e alcançar as mais diversas formas de riquezas deve usar”, pontua. “Essas chaves são baseadas nas trajetórias de diversos empreendedores com quem convivi e convivo, e na minha própria. São pontos em comum e de grande valia para todo empreendedor”, completa.

Com uma trajetória empreendedora de sucesso, Janguiê Diniz decidiu dedicar seu novo livro ao tema da riqueza, mas ressalta: não existe apenas a riqueza material, como muitos pensam. “Em nossas vidas, podemos amealhar uma grande diversidade de riquezas que são de extrema importância para nosso desenvolvimento pessoal e profissional. Entre elas, podemos citar as riquezas da saúde, da família, a espiritual, do conhecimento, do propósito, do networking, da reputação e, por fim, a material. Esta, no entanto, é, em suma, um reflexo do equilíbrio de todas as outras, a consequência de uma vida plena”, explica.

Leia Também:  Magalu oferece crédito de até R$ 5 mil pelo aplicativo

O livro, inclusive, deu origem ao Método CSR: Código Secreto da Riqueza, evento presencial em forma de imersão voltado para empresários no qual Janguiê aprofunda as chaves abordadas no livro e traz outras estratégias para os participantes se desenvolverem pessoal e profissionalmente. A próxima turma acontece nos dias 11 a 13 de julho, em São Paulo, e as inscrições podem ser feitas pelo site www.codigosecretodariqueza.com.br

“O código secreto da riqueza” é o 27º livro de Janguiê Diniz, que tem outras obras sobre empreendedorismo e carreira como “A arte de empreender”, “Fábrica de vencedores”, “Vem Ser S.A.”, além de sua biografia, “Transformando sonhos em realidade: a trajetória do ex-engraxate que chegou à lista da Forbes”.

Serviço

Sessão de autógrafos do livro “O código secreto da riqueza”, de Janguiê Diniz, em Caruaru

17 de maio, às 19h30

UNINASSAU Caruaru – Entroncamento da BR 232 com a BR 104, KM 68, 1.215

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ECONOMIA

Ao menos 18 estados e o DF reduzem ICMS sobre combustíveis

Publicados

em

Por

Os combustíveis têm parcela significativa de seu preço composto por impostos federais e estaduais, como o ICMS
FreePik

Os combustíveis têm parcela significativa de seu preço composto por impostos federais e estaduais, como o ICMS

Até amanhã deste domingo, pelo menos 18 estados mais o Distrito Federal já haviam anunciado a  redução do ICMS sobre os combustíveis, seguindo a lei federal que impôs um teto para o imposto a fim de arrefecer a alta dos preços e seu impacto para a inflação.

O governo federal aprovou lei que limita a alíquota de ICMS em 17% a 18% sobre combustíveis, energia, telecomunicações e transportes. Mas os estados articulavam um acordo para baixar o percentual conjuntamente. Onze deles entraram com ação no Supremo Tribunal Federal (STF) questionando a lei.

Entre os estados que já anunciaram cortes no imposto estão: Alagoas, Amapá, Bahia, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Santa Catarina, São Paulo, Amazonas, além do Distrito Federal.

O governador do Tocantins, Wanderlei Barbosa, afirmou na sexta-feira que o estado iria reduzir a alíquota, mas não mencionou prazo para a medida.

O governo do Acre anunciou, na sexta-feira, que mudou a base de cálculo para cobrança de ICMS em cima da gasolina, diesel e gás de cozinha. Sobre a mudança da porcentagem do ICMS, estado ainda aguarda decisão da ministra Rosa Weber.

Leia Também:  Polícia Militar realiza troca de comando de sete unidades nesta terça-feira (05)

Em nota enviada ao site local “A Crítica”, o secretário da Secretaria de Estado de Fazenda do Amazonas (Sefaz-AM), Alex del Giglio, afirmou que o governo estadual reduziu a alíquota da gasolina e etanol de 25% para 18%.

Em Roraima, já havia ocorrido redução da alíquota sobre a gasolina e o álcool em fevereiro desde ano, de 25% para 17%.

Rio reduz para 18%

No Rio de Janeiro, o governo anunciou, na sexta-feira, a redução do ICMS sobre os combustíveis.

No estado — que tem a maior alíquota do país —, o percentual vai cair de 32% para 18%. Os novos preços passarão a valer nas bombas a partir da próxima segunda-feira. A estimativa é que o preço da gasolina baixe mais de R$ 1, segundo o governo.

Em São Paulo, postos da capital e região metropolitana já estão vendendo o litro da gasolina até R$ 1 mais barato do que estava sendo cobrado na semana passada. A queda nos preços é reflexo da redução da alíquota de ICMS estadual, que caiu de 25% para 18%.

No Nordeste, o Rio Grande do Norte publicou no Diário Oficial do estado, no sábado, que operações com gasolina e etanol combustível ficam tributadas pelo ICMS à alíquota de 18%.

A proposta também inclui operações com energia elétrica para consumidores nas classes residenciais, comerciais, de serviços e outras atividades que apresentem consumo mensal acima de 300 kWh e prestações de serviços de comunicação e televisão por assinatura.

Em postagem no Twitter, o governador do Amapá, Waldez Góes, publicou que o imposto passará de 25% para 18%.

Da mesma forma, o governador do Pará, Helder Barbalho afirmou que o estado baixou o percentual do  ICMS para 17%. No caso da gasolina, por exemplo, o preço deve cair de R$ 7,44 para R$ 6,50 o litro. A medida se será válida a partir da publicação do decreto estadual, que deve ocorrer na segunda-feira.

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia. Siga também o  perfil geral do Portal iG .

Os preços da gasolina e do diesel tiveram recuo nesta semana, de acordo com dados da Agência Nacional do Petróleo (ANP).

Segundo a ANP, o preço do litro do diesel passou do recorde histórico R$ 7,568, na semana passada, para R$ 7,554. O recuo desta semana interrompe um ciclo de três altas consecutivas nos postos. Foi uma queda de R$ 0,014.

Fonte: IG ECONOMIA

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CUIABÁ

VÁRZEA GRANDE

MATO GROSSO

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA